Destaques

Notícias

Metallica comenta falecimento de Ray Burton

   20 de Janeiro de 2020     tags: ray burton, burton      Comentários



O site oficial do Metallica foi atualizado lamentando o falecimento de Ray Burton, pai de Cliff Burton, aos 94 anos.

com grande pesar que ns falamos adeus ao pai de Cliff, Ray Burton, na semana passada. Por 38 anos, tivemos sorte de ter a energia, sabedoria e luz de Ray em nossas vidas. Sua eterna juventude junto de sua positividade e sorriso incansvel eram incrivelmente poderosos e honestos. De costa a costa e no exterior tambm, o rosto radiante de Ray com frequncia nos cumprimentava, oferecendo calor e um abrigo em nossas viagens, e em relao a famlia inteira do Metallica, banda, equipe e fs, ele via todos ns como sua prpria famlia. Que ele tenha nos deixado, nos deixa com um sentimento indefinvel de tristeza e perda, mas igualmente, sabemos que Ray no gostaria que ficssemos cabisbaixos por a por muito tempo. Ento, em sua homenagem, e pelo homem gentil que ele foi, ns realmente queremos celebrar os 94 anos de vida que Ray deu a todos, sabendo com certeza que um pouco de sua luz, sabedoria e energia estar com todos ns aonde formos.

Ns te amamos, Ray.
Descanse em paz.





Mensagem de James Hetfield

Mr. Ray Burton

Mr. Ray Burton is a hero of mine
In earthly form, his end of the line
He weathered many a difficult storm
A strong compass
true and gracefully worn
To his last breath, Ive not met a more positive man
And to his son there was not a more loyal fan
So he leaves the material world to be with his sons and wife
I feel so very blessed to have had him grace my life
In earthly form, his end of the line
Mr. Ray Burton is a hero of mine

May peace be yours.

Love and Respect,
James


Traduo:

Sr. Ray Burton

O sr. Ray Burton um heri meu
Na forma terrena, o fim de sua linha
Ele resistiu a muitas tempestades difceis
Uma forte bssola
Verdadeira e graciosamente degastada
At sua ltimo suspiro, no conheci algum mais positivo
E de seu filho, no havia um f mais leal
Ento ele deixa o mundo material para estar com seus filhos e esposa
Eu me sinto muito abenoado por ter tido sua graa em minha vida
Na forma terrena, o fim de sua linha
O sr. Ray Burton um heri meu

Que a paz esteja com voc.

Amor e respeito,
James




Mensagem de Lars Ulrich

Ray...

Obrigado por iluminar cada sala que voc entrava, por inspirar todos ns com sua energia positiva, sua perseverana, e por sempre fazer com que todos se sentissem confortveis com sua presena... E claro, obrigado por dar ao mundo Cliff e seus talentos nicos. Estou honrado e sempre agradecido por ter tocado e estado ao seu lado.

Descanse em paz

Lars




Mensagem de Rob Trujillo

Em meus 55 anos de existncia nesta terra, eu encontrei tantas pessoas maravilhosas e outras nem tanto.

Nos ltimos tempos, e definitivamente desde que estou no Metallica, eu tenho sido perguntado quem uma inspirao para mim e/ou em quem eu gostaria de me espelhar, e minha resposta "eu quero ser como o Sr. Ray Burton!". Ray o pai que todos queremos ou precisamos ter; sua energia positiva e o apoio no que fazemos um dom poderoso com o qual ele nos agraciou.

Sempre sorrindo e sempre falando como as coisas so; algum com quem devemos aprender. O amor de Ray por todos os estilos de msica era motivada pela paixo, falando de vrios artistas de jazz de sua juventude, compartilhando seus pensamentos sobre como e porque estes msicos eram to especiais. Eu sempre me lembrarei dele falando para meu filho, "praticar, tocar piano, Tye, lembre-se que isso muito importante para sua msica; Cliff tocava piano o tempo todo".

Minha famlia, a famlia Metallica, e o mundo sentir saudades de Ray Burton, isso no nem preciso dizer. Ray era um guerreiro e ele gostaria que ns enfrentssemos a vida da forma que ele fez, com um desejo de ser o melhor que puder de dentro para fora, ser humilde e sempre sorrir!

Ns te amamos e sentiremos sua falta, Ray.

Descanse em paz.

Rob




Mensagem de Kirk Hammett

Muito amor, Ray.
Que enfim voc esteja com Cliff e a Jan.

Kirk

    Top

Morre Ray Burton, pai de Cliff Burton

   20 de Janeiro de 2020     tags: ray burton, burton      Comentários



Ray Burton, pai do baixista Cliff Burton, faleceu na quarta-feira passada, dia 15 de janeiro de 2020, aos 94 anos de idade. Mas sua morte s foi anunciada publicamente neste domingo pela sua filha Connie, que escreveu em suas redes sociais: "Apenas para todos saberem que meu pai morreu na ltima quarta. Descanse em paz, papai"

Ray sempre esteve presente em eventos relacionados com oMetallica, o ltimo deles foi o show com a Orquestra de So Francisco realizado em setembro de 2019. Ele tambm discursou na induo da banda ao Hall da Fama do Rock, alm de doar os royalties recebidos por conta do trabalho de seu filho com a banda para alunos da escola pblica.


Fonte: Whiplash!

    Top

Ron McGovney fala sobre ser substitudo por Cliff Burton

   20 de Julho de 2018     tags: burton, mcgovney, entrevista      Comentários



O baixista original do Metallica, Ron McGovney, relembrou em entrevista ao podcast Talk Is Jericho (transcrio via Ultimate Guitar) sobre a ocasio em que foi substitudo por Cliff Burton. McGovney afirmou que o msico, falecido em 1986 durante um trgico acidente com o nibus de turn da banda, era "incrvel" e fazia coisas que ele nunca conseguiria tocar no instrumento.

Inicialmente, Ron McGovney lembrou que Cliff Burton entrou na vida do vocalista e guitarrista James Hetfield e do baterista Lars Ulrich no outono de 1982. "Sua banda, Trauma, veio tocar no Troubadour. Brian Slagel, da Metal Blade, nos convidou para assistir. Achei que aquele som no era o meu tipo de msica. De repente, Cliff comeou com o solo. James e Lars ficaram com os olhos bem abertos assistindo a ele. Ali, eu meio que j sabia que aquele era o cara que eles iriam atrs", afirmou.

Mesmo aps o show do Trauma, Ron McGovney no foi sacado do Metallica de imediato. "Fiz vrios shows com eles depois daquilo. Eles nunca me tiraram, dizendo que queriam o cara. Eu meio que ouvi rumores, mas j sabia quem seria. Uma vez, estvamos tocando em San Francisco e Cliff estava nos assistindo. Ele estava na chuva e eu lhe ofereci uma carona, pois ele estava encharcado. Ele disse: 'no, est tudo bem'. Eu daria uma carona para onde ele quisesse, mas j sabia que ele seria o cara. No era meu papel ser o baixista em longo prazo", disse.

McGovney afirmou que, ao ver Burton tocar, pensou: "no algo que eu faa". Em seguida, ele destacou que no s a questo tcnica foi determinante para a situao: sua falta de interesse em continuar na carreira musical tambm influenciou. "Eu queria ser um mecnico de motos. Queria andar de moto pelo deserto. Lembro de andar nas dunas e pensar: ' to bom fugir daqueles caras, isso que eu quero fazer, no quero ficar brigando e discutindo'. como uma relao. como: 'no preciso disso, no quero fazer parte disso'", afirmou.

O ex-baixista do Metallica reforou que no queria ser um astro do rock. "Eu apenas estava ajudando James. Tudo o que eu queria era fazer parte do Leather Charm (banda anterior ao Metallica), tocar em umas festas de quintal, beber... e s. Mas, ento, quando tocamos em clubes de Hollywood, percebo que estou tocando em lugares onde vi outras bandas. Eu assisti ao Mtley Cre ali. Estou no mesmo palco em que o The Doors tocou e coisas do tipo", disse.

Ainda durante o bate-papo, Ron McGovney relembrou de quando soube que Cliff Burton havia morrido. "Acho que ouvi na rdio KNAC. Disseram que algum do Metallica havia morrido, mas no disseram quem. E eu pensava: 'meu Deus, quem foi?'. Ento, quando soube que era o Cliff, no podia acreditar, porque eles tocaram em Long Beach na turn de 1986 e eu fui aos bastidores antes do show, mas s Cliff estava l. Jantamos juntos e conversamos. [...] Ele era um cara com os ps no cho. Ele foi minha casa em Los Angeles e era um cara incrvel. Era muito respeitoso comigo, por minha passagem pela banda", afirmou.

Oua a entrevista, na ntegra e ingls, clicando aqui.

Fonte: Whiplash!

    Top

Irm de Cliff Burton participa de documentrio indito sobre o baixista

   07 de Maio de 2018     tags: vdeos, burton      Comentários

A BurStock Productions lanou o "The Salvation Kingdom" ("O Reino da Salvao", em traduo livre), um documentrio de 90 minutos que conta histrias inditas da vida e morte do icnico baixista do Metallica, Cliff Burton, recontadas por sua irm mais velha, Connie Burton.

Quem era Cliff Burton? Como ele era quando criana? Ele tinha algum hbito excntrico? Quem eram algumas de suas influncias? Quais eram suas posies em relao a Deus, o mundo espiritual e o diabo? O Metallica seria a mesma banda se ele nunca tivesse se juntado a eles? Estas so algumas das questes respondidas por Connie no filme, que pode ser visto na ntegra abaixo (em ingls).


Fonte (em ingls): Blabbermouth.net

    Top

10 de Fevereiro de 2018 proclamado Dia do Cliff Burton

   06 de Fevereiro de 2018     tags: burton, curiosidades      Comentários



Segundo o Twitter oficial do Metallica, o conselho do Alameda County proclamou o dia 10 de Fevereiro de 2018 como o "Dia do Cliff Burton", data em que o baixista completaria 56 anos. No tweet, a banda ainda agradece os fs que tornaram isso possvel: "Obrigado a todos os fs que estiveram por trs dessa iniciativa. Ns amamos que ele continua to reverenciado."

    Top

Trujillo: Homenagem a Cliff Burton em ManUNkind

   04 de Dezembro de 2016     tags: burton, trujillo, hardwired to self destruct, curiosidades      Comentários

Robert Trujillo revelou ao Exclaim! que prestou uma homenagem a Cliff Burton no novo lbum do Metallica, "Hardwired... To Self-Destruct": "Quando escrevi 'ManUNkind', estava pensando nele. De certa forma, fao um pequeno tributo para Cliff Burton na msica. Oua-a com ateno e tambm a pequena introduo antes dela, quando toquei estava pensando em Cliff".


Fonte: Whiplash!

    Top

Hetfield: Cliff Burton ainda est em esprito no Metallica

   29 de Maro de 2016     tags: entrevista, hetfield, burton      Comentários



O Metallica relanar seus dois primeiros lbuns, "Kill 'Em All" de 1983 e "Ride the Lightning" de 1984, em 15 de Abril. Ambos os lbuns foram remasterizados para a qualidade de udio mais avanada e estaro disponveis em trs formatos - CD, vinil, e caixa deluxe. Ambas as caixas incluem materiais da coleo pessoal da banda, com muitas gravaes nunca vistas/ouvidas antes, alm de um livro com fotos raras e textos de pessoas que estiveram presentes naquela poca.

O frontman do Metallica, James Hetfield, se sentou para uma entrevista publicada no site oficial da banda e discutiu vrios tpicos, incluindo como ele se sente vendo alguns desses materiais de novo.

"Eu no sou o cara que gosta de se prender a algo que me querido, tipo, 'Oh meu Deus, se eu perder isto, eu morreria'", disse ele. "Eu tenho um monte de coisa no armazm, sabe? E comigo, como quando eu cresci, eu meio que me mudei por a, ento se tornou o caso de, 'onde foram parar minhas coisas?'. Eu me mudei para meu irmo, ento me mudei para o Ron [McGovney, ex-baixista do Metallica], e ento isto e aquilo, e minhas coisas meio que... tipo, 'eu no preciso disto, eu no quero aquilo', e ento coisas foram deixadas para trs. E eu meio que tenho sido assim. Eu descartaria rapidamente algo que o Lars [Ulrich, baterista do Metallica] provavelmente cortaria um dedo para ter, sabe? Ento o fato de que em meu espao de armazenamento haviam algumas coisas... Olha, uma daquelas coisas. Antigamente, era, 'aqui est uma caixa. Jogue tudo dentro dela'. E voc fecha a caixa, e joga no armazm. Ento haviam algumas coisas legais, fotos de pessoas que me deram durante os anos, que eu colocaria na minha pasta ou mala ou algo assim, e no pensava muito mais tarde."

Perguntado se ele ficou surpreso enquanto vasculhava os arquivos apenas para ver algumas dessas coisas que ele achou, Hetfield disse: "Oh, to legal. to legal. E incrvel como um pedao de papel, celuloide, algo at como um ingresso, um passe, traz tantas memrias. Isso devolve aquele sentimento nostlgico, tipo, 'Oh meu Deus, eu realmente sinto falta daquela poca'. Sabe, 'puxa, era to simples e fcil e la la la, e olha quo complicado agora'. O que isso faz em mim que me deixa mais relaxado agora e no me preocupo tanto."

Ele continuou: "Eu tenho algumas fotos de viagens que Lars e eu tiramos juntos. No tanto de turn, mas, sabe, ns fomos at Seattle com o Metal Church e s curtimos, sabe, com Skitchy [Rich 'Band That Head That Does Not Bang' Burch, um antigo amigo deles]. H fotos minhas na praia na Holanda, Lars e eu saindo e foi um caso de 'eu no me lembro disso e tem estas outras pessoas juntas. Quem so elas? Eu no sei, onde esto elas agora?'... E as coisas bvias tambm... Coisas com Cliff [Burton, ex-baixista do Metallica]... Tipo, 'Oh meu Deus, este show, este palco, ns temos amplificadores embaixo dessa coisa', e um monte de memrias legais, sabe? E isto me faz ser grato que de alguma forma aquela foto voltou a minha vida. Pois eu sinto falta daqueles tempos. Eu sinto muita falta de Cliff. Eu penso nele com bastante frequncia. Mas isso tambm me faz perceber que, sabe, ele est aqui em esprito. Ele no est aqui fisicamente, mas h pessoas que esto aqui fisicamente, e vamos nos divertir agora."

Perguntado se ele acha justo dizer que ele est possivelmente relaxando, e se permitindo, para finalmente lamentar abertamente por Burton depois de talvez ter trancado isto por 20 ou 25 anos, Hetfield disse: "Oh, no h dvida disso. Sem dvida. Ns bebamos muito. E quando Cliff faleceu, dobrou, sabe? Bebamos o dobro para acontecer. Eu nunca, nunca realmente lamentei. Obviamente, ns falamos sobre isso, onde simplesmente voltamos e comeamos a turn de novo, e isto supostamente era o remdio para se limpar e voltar ao cavalo, todos os clichs. Mas sabe, quando estava na reabilitao em 2001, eles falaram, 'voc precisa continua mais algumas semanas por conta da lamentao. Tem sua me e Cliff, as duas pessoas que voc nunca foi capaz de lamentar. Voc precisa trabalhar nisso'. Ento fizemos isso. E eu acho que apenas abrindo as memrias, apenas pensando nele, sentindo sua presena, isso como a lamentao est acontecendo para mim por um longo perodo de tempo."

Ele continuou: "Eu sinto mais falta dele como pessoa do que como um msico, e isso diferente para mim. Sabe, antigamente, ele e eu eramos muito parecidos nas coisas que gostvamos e coisas que gostvamos de fazer. Eu acho que aprendi muito com ele, e eu aprendi muito depois que ele se foi. Sabe, 'O que Cliff faria?'. Mas eu acho que sou capaz de ser mais eu mesmo, e ele me ensinou isso, sabe? Ele me ensinou que est tudo bem em ser diferente, em ser firme naquilo que acredita. Voc no precisa ter toda a munio do mundo para lutar uma guerra, seja apenas voc. Isso suficiente."

Fonte (em ingls): Blabbermouth.net

    Top

Ray Burton: "Cliff conhecia seu talento, mas no se vangloriava"

   17 de Fevereiro de 2015     tags: ray burton, burton, entrevista      Comentários



Em homenagem ao 52 aniversrio de Cliff Burton, a rdio Rock 103, do Tennessee, realizou uma entrevista com Ray Burton, pai do msico.

Ray Burton est com 89 anos, mas mantm-se lcido e afiado na hora de falar sobre o filho:

"Cliff conhecia bem o seu talento, sabia do seu potencial, mas no se vangloriava sobre isso. Mas ele sabia que podia tocar baixo to bem quanto qualquer um."

Para ouvir o udio completo da entrevista [em ingls], clique aqui.

Fonte: Whiplash!

    Top

Biografia de Cliff Burton ser lanada em breve no Brasil

   07 de Outubro de 2014     tags: burton, livros      Comentários



Atualizao: O livro se encontra em pr-venda na Saraiva, junto de uma camiseta exclusiva.

A biografia "Cliff Burton - A vida e a morte do baixista do Metallica" ser lanada em breve no Brasil pela Editora Gutemberg. A capa dele j pode ser conferida na imagem acima.

O livro conta a histria do msico que pode no ter vivido para desfrutar dos momentos de glria, fama e fortuna experimentados pela banda, mas cuja sombra e legado at hoje podem ser sentidos no grupo.

A histria do msico, morto aos 24 anos em setembro de 1986, em um acidente com o nibus da banda, foi contada em detalhes pelo renomado Joel McIver, que j escreveu vrias biografias dedicadas ao mundo do rock.

Neste livro, o ingls reconstri toda a breve carreira do msico atravs de entrevistas feitas com pessoas que conheceram o baixista e material publicado na impressa na poca em que ele esteve na banda.

O fato do prefcio do livro ter sido escrito pelo prprio Kirk Hammett - o guitarrista da banda que, por pouco, tambm no morreu no mesmo acidente - mostra que os integrantes do Metallica aprovaram o trabalho feito por McIver.

Fonte: Vagalume

    Top

Baixista do Anthrax fala sobre seu ltimo momento com Cliff Burton

   05 de Agosto de 2014     tags: anthrax, vdeos, burton      Comentários

Uma das tragdias mais lamentadas no metal a morte do baixista Cliff Burton do Metallica. Embora Burton tenha falecido em 1986, o nome do msico est sempre na ponta da lngua dos fs do Metallica.

O Anthrax estava na estrada com o Metallica durante a fatdica turn europia, onde Burton foi morto em um acidente de nibus. Antes disso, no entanto, ele desenvolveu uma amizade com o baixista do Anthrax, Frank Bello.

Como Bello disse a Loudwire em uma entrevista exclusiva, ele e Burton criaram uma tradio onde um diria adeus ao outro com a frase, "talvez at amanh", antes que o outro respondesse, "talvez". Infelizmente, o costume entre os dois baixistas tomou um rumo real demais.

Assista Frank Bello contando a histria toda no vdeo abaixo.

    Top


  Prximas >>>

Newsletter
Receba em seu e-mail as últimas notícias sobre Metallica:

Conecte-se

Facebook   Google+   Twitter   RSS   Fórum

© 1998-2020 Metallica Remains - Desde 13 de Janeiro de 1998 | Política de Privacidade