Destaques

Notícias

Produtores do Through The Never impressionados com a paixão da banda

   28 de Julho de 2013     tags: 3d, vídeos, through the never      Comentários

Nesta sexta-feira, 19 de Julho, os membros do Metallica estiveram na Comic-Con em San Diego, Califórnia, para discutir sobre o "Metallica Through The Never", o filme em 3D de Nimród Antal com uma das bandas mais duradouras e emblemáticas da música. O grupo esteve no Hall H do San Diego Convention Center as 6 p.m. PT, junto de Antal, da estrela do filme, Dane DeHann, e da produtora Charlotte Huggins.

Durante a Comic-Con, a HitFix falou com Antal e Huggins sobre o motivo de ter escolhido esse evento em particular para apresentar um novo trailer do filme; as músicas do Metallica que estão no filme; como o "Through The Never" é diferente do documentário "Some Kind of Monster" de 2004; como os produtores são inspirados pela banda; o quão sério os integrantes do Metallica se levam; e suas músicas favoritas da "melhor trilha sonora já feita pela homem". Confira a conversa abaixo.

Sobre o papel que as letras do Metallica tiveram para formar a narrativa do filme:

Antal: "Tonalmente e dentro da estrutura do filme - com a atmosfera do filme - haviam certas músicas que certamente funcionaram bem em nossas mãos. Nós nos mantivemos relativamente fiel a setlist da banda e tentamos formar uma narrativa que pudesse intercalar com o show. A personalidade da banda, sua energia, e certamente a paixão por aquilo que eles fazem, estas são as coisas que aparecem no filme e, no fim, fazem o filme ser o que é. Tenho muito orgulho dele."

Sobre como o "Through The Never" é diferente do "Some Kind of Monster":

Antal: "Este é um monstro bem diferente do que daquele filme. Embora eles estejam no filme, eles são músicos nele. Isso é o que eles fazem bem e isso é o que mostramos. A parte da narrativa, no entanto, eles aparecem na narrativa de uma forma bem interessante, mas não é necessariamente o papel deles no filme que o faz ser o que é."

Huggins: "No 'Through The Never', eles nunca estão fora do palco, por assim dizer. Eles aparecem fora do palco, mas eles ainda aparecem como músicos na banda Metallica. Não é um documentário, não é um filme de bastidores. Nós os vemos, como Nim disse, tocar, e durante a apresentação, eles trazem uma história paralela a história narrativa do filme."

Sobre o que eles consideram o elemento mais impressionante do Metallica, a banda, depois de trabalhar com eles no filme:

Huggins: "Eu vim para o projeto como produtora, como uma produtora de filme, e foi isso que eles queriam que eu fizesse. E quando eu os encontrei pela primeira vez, fiquei impressionada instantaneamente com o nível de respeito deles, em geral, um pelo outro, e sobre aquilo que estávamos para embarcar. E eu me tornei uma fã, e eu provavelmente não sou tão fã como os verdadeiros seguidores deles. Eu passei a ter muito amor e respeito pela música deles. Eu acho que o que acontece é particular de cada um ao ver o filme, eu assisto e ouço a música e fico incrivelmente inspirada com suas habilidades musicais; digo, eles são músicos fenomenais e as músicas são músicas incrivelmente interessantes. Então cada vez que eu ouço essas músicas, me torno mais e mais familiarizada e eu posso ouvir partes diferentes da música."

Antal: "Eu acho que eles trazem uma energia e uma paixão naquilo que eles fazem e, pra mim, é definitivamente inspirador. Eles tem uma direção e um profissionalismo que é tão... Eles são artistas em primeiro lugar, e qualquer artista que faz o que eles fazem com amor, você consegue ver isso. E isso, pra mim, sempre foi, eu acho, o que me atraiu neles inicialmente. Mas eu eu fui relembrado disso, trabalhando com eles e vendo o quão poderosos eles são como músicos. É bem incrível. Alguém que esteja fazendo o que eles fazem por 30 anos e ainda trazer uma energia e uma paixão, isto é... Eu acho que há muitos caras novos por aí que poderiam sentir inveja."

Huggins: "Eu acho que outra coisa que aprendemos é que eles nos inspiraram a atingir o maior nível que conseguimos. Pois eles se dão ao máximo naquilo que eles fazem, eles realmente inspiraram a gente e nosso time - time espetacular de artistas visuais e cineastas e o que mais for - todos queriam se erguer e criar algo ótimo, pois eles se dedicam tanto ao que fazem."

O vídeo da conversa em inglês pode ser visto clicando aqui.

Fonte (em inglês): Blabbermouth.net


Veja também

Hetfield fala sobre filme 3D (22 de julho de 2013)
Ulrich e Trujillo falam sobre filme 3D (21 de julho de 2013)
Veja primeira foto do filme 3D da banda (10 de maio de 2013)
Through The Never: "Um filme de show que encontra The Wall" (11 de março de 2013)
Metallica na Comic-Con de San Diego (05 de julho de 2013)

Comentários




Newsletter
Receba em seu e-mail as últimas notícias sobre Metallica:

Conecte-se

Facebook   Google+   Twitter   RSS   Fórum

© 1998-2020 Metallica Remains - Desde 13 de Janeiro de 1998 | Política de Privacidade