Destaques

Notícias

Ulrich: Relacionamento com Hetfield está melhor do que nunca

   04 de Abril de 2017     tags: entrevista, ulrich, vídeos      Comentários

O baterista do Metallica, Lars Ulrich, foi entrevistado pela Sonar FM antes da apresentação da banda em 1 de Abril no Lollapalooza Chile em Santiago. A conversa pode ser vista abaixo.

Falando sobre como tem sido a experiência do Metallica em auto-financiar seus projetos, tendo lançado sua própria gravadora, Blackened Recording, Ulrich disse: "Bem, eu acho que ser autônomo e independente sempre esteve no espírito do Metallica. Nunca sentimos como se pertencessemos a algo específico. Nunca sentimos como se fossemos parte de um movimento ou parte de uma onda; sempre meio que nos sentimos solitários. Eu sempre me senti um solitário, e eu acho que o James [Hetfield, frontman do Metallica] e eu, quando nos encontramos, nós nos conectamos pela música, mas sempre nos sentimos privados e um pouco esquecidos. E então estar em uma banda, isso realmente deu uma sensação de pertencer a algo. E então nós amamos o que temos, e eu acho que nós sempre sentimos que não nos encaixávamos em nenhum lugar. E, obviamente, sempre que eu digo isso, as pessoas falam, 'Oh, você está na maior banda do mundo', ou o que for, mas isso não significa muita coisa. Eu ainda sinto como se não nos encaixássemos; nós meio que estamos sempre em nosso pequeno mundo. Mas obviamente, nós temos muitos amigos e fãs com a gente, o que faz valer. Mas ser autônomo e independente é ótimo, pois você nunca sente como se devesse algo para alguém."

Ulrich também falou sobre como seu relacionamento com Hetfield evoluiu desde o lançamento do documentário "Some Kind of Monster" de 2004, que seguiu a banda por três dos mais turbulentos anos da carreira da banda. Disse ele: "Eu acho que está melhor do que nunca. Eu acho que nós sabemos onde cada um de nós está, nós sabemos muito mais quem cada um é, e nós sabemos quão longe podemos ir com cada um, e eu acho que há muito mais parceria rolando do que antes. Agora nós não estamos brigando pra ganhar uma discussão. Nós raramente discutimos sobre qualquer coisa, e nós tentamos muito mais ver o ponto de vista um do outro. Chama-se crescer. [risos] Então estamos em um bom momento - muito mais maduro do que já foi alguma vez, basicamente."


Fonte (em inglês): Blabbermouth.net


Veja também

Metallica comenta importância de criar sua própria gravadora (15 de fevereiro de 2017)
Ulrich: "Usamos nosso sucesso para forçar autonomia criativa" (27 de junho de 2016)
Hetfield: "Quero estar vivo para meus netos" (25 de novembro de 2016)
Hetfield fala sua visão sobre projetos paralelos (12 de dezembro de 2015)
Ulrich: Spit Out The Bone não deve ser tocada em turnê norte-americana (02 de junho de 2017)

Comentários




Newsletter
Receba em seu e-mail as últimas notícias sobre Metallica:

Conecte-se

Facebook   Twitter   RSS   Fórum

© 1998-2024 Metallica Remains - Desde 13 de Janeiro de 1998 | Política de Privacidade